SAVIS-Secure Advance Visa Inssuing System

"Nunca se poderá dizer o suficiente sobre a necessidade de garantir o mais elevado nível de segurança para um Visto ou para um Sistema de Emissão de Vistos.”

Foram desenvolvidas pesquisas para determinar como atingir um elevado grau de segurança para a emissão de Vistos e como identificar os riscos e evitá-los. A combinação criativa do conhecimento prático e teórico nos campos que pesquisámos e as experiências de outros, juntamente com a nossa , ajudou-nos a criar uma base de conhecimentos segura, para a elaboração do mais moderno sistema de emissão de Vistos.

A escolha de lideres nas várias áreas de impressão de segurança e dados biométricos como nossos associados, vai permitir-nos, estamos em crer, produzir um Visto de categoria Internacional, que permitirá o mais elevado e necessário controlo fronteiriço e ajudará a acabar com as vagas de migração ilegais e com o crime organizado. As características  do novo Visto SAVIS são:

  • Visto de leitura por máquina (MRV) segundo as normas da ICAO DOC 9303 , para vistos do formato A e B.
  • Está de acordo com as normas Internacionais e Europeias.
  • Fotografia a cores incorporada, de alta segurança, com imagem fantasma.
  • Verificação de alta segurança da identidade do utente do visto, usando a tecnologia OCR e ICR.
  • Características biométricas do dedo e da face do utente do visto podem ser incorporadas no formulário do visto.
  • Um sistema de emissão rápido e exacto com digitalização de vários documentos e do passaporte.
  • Controlo do stock de base e do acesso do utilizador, com controlo biométrico.
  • Sistema centralizado ou independente, com possibilidade de interligação entre  várias embaixadas.
  • Papel de segurança, com incorporação de características policromáticas e parcialmente fluorescentes, produzido exclusivamente para o fabricante autorizado.
  • Impressão do tipo das notas de banco utilizando técnicas de segurança sofisticadas.
  • Tinta invisível e reactiva aos infravermelhos.
  • Personalização utilizando impressão a jacto de tinta. A utilização de impressoras a jacto de tinta, faz a tinta penetrar com maior profundidade no papel do Visto,   deixando sinais bem visíveis caso haja alguma tentativa de interferência.
  • O instrumento mais importante contra a contrafacção é o kinagrama com Objectos Ópticos Variáveis (OVO), mostrando diferentes padrões em movimento, dependendo da direcção da luz. O kinagrama também pode incluir uma característica de leitura por máquina.

Actualmente o SAVIS está instalado em mais de 60 sistemas de emissão, cobrindo todas as Embaixadas da República de Angola, em todo o mundo. Foram emitidos mais de 300.000 vistos nos últimos 2 anos e foram entregues mais de 700.000 prontos para emissão.